Saber-Literário

Diário Literário Online

MOMENTOS VALIOSOS - João Batista de Paula

Postado por Rilvan Batista de Santana 04/05/2017

MOMENTOS VALIOSOS
As coisas simples da vida - João Batista de Paula- Escritor e Jornalista.

A vida tem seus encantos com  as coisas simples e  seus valores. Acredito que a pressa e o corre - corre que fazemos no dia a dia em busca de prazeres  e realizações; deixam a gente surdo, além de ingratos, porque ouvimos muito bem o que queremos ouvir; e só não temos tempos para aquilo que não gostamos.


Hoje estive pensando e ouvindo o barulho das coisas que fazem parte da vida da gente, ou não. Tudo depende de nossa visão e bem-estar.


Adorei ouvir a pingueira caindo dentro da bacia;  Coisa tão insignificante, mas persistente, que requer atenção e cuidados. Toc, toc, toc, toc, exige paciência.


Adorei ouvir o galo cantar, anunciando o novo, o novo dia, o novo sol, o sol que ninguém consegue esconder por muito tempo. Que cantar imponente e faceiro !


Adorei o cão latir, anunciando pessoas estranhas no local,  ou vizinhos inconvenientes para ele ou para seu dono. Belo cão de guarda, amigo, companheiro, participativo da vida em família.


Adorei os passarinhos na árvore cantando com o amanhecer, dia que deve ser motivo de alegria e felicidade para todos nós. E o bem -ti- vi? A rolinha? O Sanhaçu? As pombas? A cigarra? Uma verdadeira orquestra, quem nem a buzina do carro e nem a do ônibus camuflavam o cantar das criaturas de Deus.


E o miado do gato? E o gato no cio? Gente! Pode ser uma loucura, mas é muito bom agradecer a Deus, o criador de todas as coisas, por nossos ouvidos  funcionarem muito bom.


Adorei ouvir o barulho do abacate caindo naturalmente do pé...

Adorei ouvir o barulho da jaca caindo naturalmente do pé...
Adorei ouvir o barulho da manga caindo naturalmente do pé...



Tudo isso – o barulho, a pancada, o ruído -  causam sensações diferentes, emocionantes, sensações únicas e oportunas, inusitadas para quem acredita que a vida é algo mais do que aquilo que os nossos olhos vêem.


Vale a pena ouvir e sentir a natureza, porque a natureza é um bom exemplo, ela se renova a cada instante, a cada dia.


E o barulho da chuva no telhado?
E a mangueira balançando seus galhos para lá e para cá?
E o coqueiro?
E o abacateiro?
E a jaqueira?

E, ainda, tem o ruído da cigarra! Que faz um estrondo ao cair da tarde, em período de chuva, como se estivesse anunciando que vai chover.

E os periquitos?

Todos os dias acontece  o amor à vida;  aos animais, as plantas, as aves. Porque os sinos da vida tocam, mas nem todos ouvem e agradecem pela feliz oportunidade de vivenciarem as pequenas coisas e os prazeres da natureza.


É preciso agradecer, sorrir, viver, amar muito mais;  e no silencio apreciar a beleza que vem dos céus e de Deus.


Tem gente que fica incomodada e mal humorada, irritada e lamuriosa com os ruídos da vida que nos cercam. O controle com segurança é  total para não ouvir o cantar do passarinho e nem o latido do cão, nem o miado do gato, nenhum ruído da rua. E tenho dito: Cada coista tem o seu sabor todo especial.

Existem pessoas que tapam os ouvidos para não ouvirem ruídos...

Não ouvir o barulho do sino...
Não ouvir ninguém bater no portão da casa...
Não ouvir a capainha...
Não ouvir o latido do cão...
Não ouvir o miado do gato...
Não ouvir o cantar do galo...
Não ouvir o passarinho cantar...
Não ouvir o grito do vizinho...
Não ouvir o pedido de socorro pela paz...

Lembre-se:

Se fossemos  surdos e mudos, queríamos  poder ouvir e falar, além de dar bom dia até para cavalo.


Vamos ter gratidão!


Vamos refletir sobre as coisas que Deus criou tortas e  quem há de querer consertar as mesmas.

3 comentários

  1. Parabéns amado esposo, jornalista e escritor João de Paula, que linda descrição do momento que vivemos muita sensibilidade e um belo alerta aos leitores para pagarem e contemplar a beleza DE Mãe natureza enquanto podem vc e um grande altruísta e louvável escrito bjs expedita maciel

     
  2. ESQUECI DO SAPO!
    AQUELE QUE TEM A BOCA GRANDE...
    HEHEHEH
    JOÃODEPAULA

     

  3. O Sapo, a muriçoca, o mosquito e o avião vinheram reclamar porque eu tinha esquecido deles... Na fila : os fogos de artifícios, o som alto do carro do vizinho e do carro de propaganda que anuncia 30 ovos por dez reais. Durma com esse barulho. Oremos.

     

Postar um comentário

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

Minha lista de blogs

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Patrono

Patrono

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.
Todos os nossos textos, abaixo, estão licenciados no Creatve Commons.
Tecnologia do Blogger.