Saber-Literário

Diário Literário Online

JARDINEIRO INFIEL - João Batista de Paula

Postado por Rilvan Batista de Santana 27/05/2017

JARDINEIRO INFIEL -  João Batista de Paula- Escritor e Jornalista
Vai acabar ficando com o pau de espinho, o jardineiro infiel.


A beleza das flores vem de Deus!
A infidelidade do jardineiro, não.
Não deixe morrer a rosa do amor.
Não deixe morrer a gratidão pelas flores naturais que encantam os nossos corações e alegram nossas almas.

As flores alegram nossos dias e ficam bem onde quer que elas estejam. O papel do jardineiro é cuidar, zelar, regar, agradecer, plantar e colher, sendo fiel aos seus sentimentos e atenção para com a beleza que vem dos céus, a beleza de Deus, a beleza das flores possam encantar os nossos olhos e corações. Vale ressaltar que cada rosa, cada flor, cada botão merece atenção e cuidados especiais.

O jardineiro não pode ser infiel, deixar seu lindo jardim e roseiral, para vivenciar outras plantações, outras competições, para não ficar com o pau de espinhos em lamentações.

Neste sentido, a dedicação as flores e ao belo são essenciais para o cultivo e a melhor apresentação das flores em seus variados níveis e tamanhos, perfumes ou não, mas presente a gratidão pela beleza do criador e a essência divina, que elevam nosso sentimento  através do bem e do belo.


AMO AS FLORES.
AMO MAIS DO QUE SANTO DE IGREJA.
AMO MAIS DO QUE O JARDINEIRO.
MAIS DO QUE IEMANJÁ.
MAIS DO QUE O DIFUNTO.
MAIS DO QUE O NOIVO.
MAIS DO QUE A NOIVA.
MAIS DO QUE A FORMIGA.
MAIS DO QUE ABELHA.
MAIS DO QUE  BORBOLETA.
MAIS DO QUE O BEIJA-FLOR.
MAIS DO QUE O HOMENAGEADO DO DIA.
MAIS DO QUE O DIABO.
PORQUE A BELEZA VEM DE DEUS.


Todo cuidado é essencial para a vivência das flores; seu perfume e beleza. Existem aquelas flores raçudas  como girassol; e existem aquelas flores frágeis, que merecem cuidados especiais, como os miosótis.


Todo cuidado e importante, por isso a valorização da fidelidade do jardineiro. Neste sentido, o jardineiro tem que ser fiel e dedicado ao sentimento amplo de fazer com que cada flor tenha sua vivencia e possa alegrar os dias da gente, alegrar nossa alma, alegrar nosso meio ambiente, nosso lar doce lar.


O jardineiro não pode ser infiel... Não pode deixar morrer a flor, por falta de atenção, falta de água e luz. Não pode deixar a flor murchar, por falta de atenção e cuidados especiais.

Não pode deixar a flor interromper sua missão de beleza, por falta de zelo e apoio. Não pode deixar a flor ser tomada pelas lagartas,  por falta de amor à beleza de Deus.

Sejamos jardineiros especiais, fiéis, dedicados, atenciosos, amáveis, com as flores dos nossos jardins e dos jardins dos outros; os jardins das praças, os jardins da cidade, porque o que é belo vem de Deus.


Veja como as flores encantam...
Vejam como as flores são exemplos de beleza.
Veja como as flores transformam o viver da gente.
Veja como as flores ficam bem em qualquer lugar.


Assim, é você. É o jardineiro. É a rosa. É a flor. A infidelidade não fica bem em qualquer lugar. Por isso, sejamos do bem e vamos colher e ofertar as melhores flores do jardim do coração da gente. Ofertar uma rosa com amor... Florescer aonde quer que estejamos, com beleza, com vigor, com alegria, com amor e esperança.




A beleza das flores vem de Deus!
A infidelidade do jardineiro, não.

Não deixe morrer a rosa do amor.

1 Responses to JARDINEIRO INFIEL - João Batista de Paula

  1. VAMOS FLORESCER ONDE QUER QUE ESTEJAMOS, EXALANDO UM PERFUME BOM E A BELEZA QUE VEM DE DEUS.
    OBRIGADO, MESTRE RILVAN BATISTA DE SANTANA, PELO ACOLHIMENTO.
    JOÃODEPAULA.:

     

Postar um comentário

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

Minha lista de blogs

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Patrono

Patrono

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.
Todos os nossos textos, abaixo, estão licenciados no Creatve Commons.
Tecnologia do Blogger.