Saber-Literário

Diário Literário Online

PERFORMANCES DE ESTÉTICA NEGRA E RESGATE DE MEMÓRIAS ENCERRAM PROGRAMAÇÃO DE ARTES VISUAIS DA MOSTRA MOTUMBÁ: MEMÓRIAS E EXISTÊNCIAS NEGRAS

Nos dias 18 e 23/03, Énzio Rosa apresenta “Cuidado Black”, e no dia 25/03, Flip Couto realiza a performance de “Sangue”

 Em seu último mês em cartaz no Sesc Belenzinho, a mostra Motumbá – Memórias e Existências Negras, que movimenta a unidade desde o final do ano passado, traz, em março, uma montagem teatral que expõe, de maneira intensa e poética, como a criação de estereótipos reforça a reprodução de tabus. A programação também conta com uma oficina que explora métodos e técnicas corporais, conduzida por um ator e pesquisador de estéticas negras, e duas performances de artes visuais.

A atividade Memória e Ativismo: Práticas Para a Vivência e Elaboração de Uma Poética Negra – oficina ministrada por Sidney Santiago Kuanza, do grupo Os Crespos (14 a 17/3) – pretende estimular uma imersão pela história do Teatro Negro no Brasil. Voltada para atores, incluindo estudantes, diretores, educadores, ativistas e pesquisadores, a oficina alia técnicas de exploração corporal que auxiliam na busca pelo autoconhecimento e ajudam a construir os elementos do personagem, além de desenvolver a linguagem presente no processo teatral.

A segunda quinzena do mês destina-se a duas performances relacionadas a temas do convívio com o outro. Na primeira delas, Cuidado Black, com Ézio Rosa (18 e 23/3),o artista senta num banco à espera de alguém que apareça para preencher uma cadeira vazia posicionada em sua frente e queira trançar o cabelo. A interação de diálogo com a pessoa dura até a finalização da trança. Durante o papo, palavras dessa conversa são destacadas e anotadas no espelho. A intenção é refletir sobre a intimidade colocada em público. Já em Sangue, com Flip Couto (25/3), o ponto de partida se dá num ambiente em que as relações interpessoais acontecem de maneira dinâmica e espontânea. O intuito é trazer a experiência das conexões pré-estabelecidas entre o público e a obra, resgatando memórias de cada um.

A mostra Motumbá – Memórias e Existências Negras integra diversas linguagens artísticas e ações culturais com o objetivo de apresentar um panorama das poéticas, estéticas e temáticas produzidas e interpretadas por grupos e artistas negros e da periferia. Segue até março com programação variada, oficinas, debates, apresentações de teatro, performances, dança, shows musicais, saraus literários e muito mais.

Abaixo, mais detalhes sobre a programação de performance que a mostra Motumbá preparou para o mês de março:


OFICINA

Memória e Ativismo: Práticas Para a Vivência e Elaboração de Uma Poética Negra – Oficina ministrada por Sidney Santiago Kuanza, do grupo Os Crespos

A oficina ministrada por Sidney Santiago Kuanza é uma imersão pela história do Teatro Negro no Brasil e uma exploração corporal por procedimentos e técnicas que auxiliam no autoconhecimento e na construção de personagem, linguagem e vivências dentro do processo teatral. Ator, produtor, diretor e pesquisador de estéticas negras, Kuanza é integrante do grupo Os Crespos. No teatro, atua desde 2000, tendo trabalhado com grandes nomes da cena contemporânea, como Frank Castorf, Cibele Forjaz, José Fernando de Azevedo, Celso Frateschi e Zé Henrique de Paula, entre outros. É colaborador da Revista “O Menelick 2º Ato”, escrevendo a coluna “Traços & Relatos”, na qual pesquisa a trajetória de atores e atrizes negros, e é coautor da revista “Legítima Defesa”, publicação sobre Teatro Negro que teve duas edições.

Público: atores, estudantes de teatro, diretores, profissionais da dança, educadores, ativistas e pesquisadores
Duração:3h
Quando: 14 a 17/3 (terça a sexta, das 15h às 18h)
Local: Sala de Espetáculos I
Ingresso: inscrição mediante envio de currículo resumido para oficinadeteatro@belenzinho.sescsp.org.br até 8/3; grátis
Número de vagas: 20 pessoas
Não recomendado para menores de 16 anos

 ARTES VISUAIS

Cuidado Black – com Ézio Rosa

O artista coloca-se na área de convivência, sentado sobre um banco alto, com uma cadeira vazia em frente, e fica à disposição de pessoas que queiram trançar o cabelo. No espelho está escrito “Cuidado Black”. Ao receber a primeira pessoa, uma conversa é iniciada e tem duração aproximada de uma trança. Caso não haja novos participantes dispostos a serem trançados, outras tranças poderão ser feitas numa mesma pessoa. Durante essa ação uma conversa é disparada em torno do título da performance “Cuidado Black” e palavras dessa conversa são destacadas e anotadas no espelho. A ação se coloca entre a intimidade disparada no ato de trançar o cabelo do outro e a dimensão pública dessa conversa-performance.

Duração:4h
Quando: 18/3 a 21/3 (sábado a terça, das 16h às 20h)
Local: Área de Convivência
Ingresso: grátis
Livre


Sangue – com Flip Couto

Tendo como ponto de partida o ambiente dos bailes blacks dos anos 1970, festas de bairros, reuniões de famílias negras e as diversas relações presentes no dinâmico cotidiano das cidades, a obra busca criar um ambiente relacional tendo o autodepoimento como disparador de sensações, sonoridades, gestos, imagens e ritmos. Esses estímulos criam um fluxo de improvisação que culmina em um resgate/transformação das memórias de cada um. O processo traz como poética a experiência dos vínculos pré-estabelecidos entre público e obra que se encontram e se diluem em um mesmo espaço, podendo se transformar numa coisa só. “Sangue”é a união das individualidades e suas composições e a circulação das vivências familiares conscientes e inconscientes.“Sangue” é corpo. Um corpo negro, um corpo homo, um corpo positivo.

Quando: 25/3 (sábado, às 19h)
Ingresso: grátis
Não recomendado para menores de 18 anos


M O T U M B Á – Memórias e Existências Negras
 Data: até março de 2017
Local: Sesc Belenzinho
Endereço: Rua Padre Adelino, 1000, Belenzinho, São Paulo (SP)
Mais informações: (11) 2076-9700 ou  www.sescsp.org.br/belenzinho e
http://www.sescsp.org.br/programacao/107905_M+O+T+U+M+B+A++MEMORIAS+E+EXISTENCIAS+NEGRAS#/content=programacao
Estacionamento: Credencial Plena – Primeira hora: R$ 5,50. Adicional por hora: R$ 2,00.
Outros – Primeira hora: R$ 12,00. Adicional por hora: R$ 3,00.
Preço promocional para espetáculos  – Credencial Plena: R$ 7,50. Outros: R$ 15,00.


Baobá Comunicação, Cultura e Conteúdo Luana Santos | luana@baobacomunicacao.com.br
Patrícia Martins | patricia@baobacomunicacao.com.br Paula Simões | paula@baobacomunicacao.com.br Pedro Sant’Anna | pedro@baobacomunicacao.com.br
Rua Porangaba, nº 149, Bosque da Saúde | 04136-020 - São Paulo - SP
+55 11 3482-2510 | +55 11 3482-6908


0 comentários

Postar um comentário

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

Minha lista de blogs

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Patrono

Patrono

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.
Todos os nossos textos, abaixo, estão licenciados no Creatve Commons.
Tecnologia do Blogger.