Saber-Literário

Diário Literário Online

Ulysses Guimarães - biografia

Postado por Rilvan Batista de Santana 16/10/2016

Ulysses Guimarães

Ulysses Guimarães formou-se advogado pela USP (Universidade de São Paulo), em 1940. Foi vice-presidente da UNE e secretário da Federação Paulista de Futebol. Elegeu-se deputado estadual em 1947, pelo Partido Social Democrático (PSD). Três anos depois, concorreu à Câmara dos Deputados, sendo reeleito em 1954 e em 1958, quando foi também delegado do Brasil junto à ONU.

Em 1961, foi nomeado ministro da Industria e do Comércio, durante o regime parlamentarista. Exonerou-se no ano seguinte, retornando a suas atividades na Câmara. Dois anos após o golpe militar de 31 de março de 1964, com a instituição do bipartidarismo, filiou-se ao MDB - Movimento Democrático Brasileiro -, o partido de oposição à ditadura, e foi eleito seu vice-presidente, além de deputado federal pelo partido. Nos dois anos seguintes foi presidente do Parlamento Latino-americano. Em 1971 assumiu a presidência do MDB.

Ao final do período mais autoritário do regime militar, em 1973, apresentou-se como anticandidato à presidência da República, como forma de protestar contra a farsa da eleição presidencial promovida pela ditadura, em que o "candidato" governista já estava previamente eleito, pela via indireta do voto de um Congresso manipulado.

No ano seguinte, porém, reelegeu-se deputado, função que exerceu até 1977 quando o Congresso foi colocado em recesso pelo Executivo. Em 1979, com a volta do pluripartidarismo, Ulysses integrou-se ao PMDB - Partido do Movimento Democrático Brasileiro - e tornou-se seu presidente.

No começo dos anos 1980, foi um dos principais líderes da campanha pelas "Diretas Já", sendo apelidado de "Senhor Diretas". Com a derrota no Congresso da emenda que instituía a volta das eleições presidenciais diretas, articulou a campanha vitoriosa de Tancredo Neves na eleição indireta de 1984.

Em 1988, presidiu a Assembléia Nacional Constituinte e anunciou a promulgação da chamada "Constituição Cidadã", que, muito emendada, permanece em vigor até hoje. Apesar de seu papel destacado na política nacional, entre o final dos anos 1970 e a década de 1980, viu o PMDB se transformar num partido dividido e ambíguo que perdeu a bandeira do oposicionismo para o PT e o PDT.

Assim, candidato a presidente da República em 1989, teve somente 4% dos votos válidos no primeiro turno, um percentual inexpressivo que mal o aproximava do segundo e do terceiro candidatos mais votados, respectivamente Lula e Leonel Brizola. O segundo turno foi ganho por Fernando Collor de Mello, que logo sofreu o processo de impeachment, devido ao esquema de corrupção articulado ao seu redor. Ulysses Guimarães colaborou ativamente no processo, que terminou com a renúncia de Collor e a posse do vice Itamar Franco. O líder peemedebista, então, empenhou-se em ajudar na manutenção da governabilidade.

Ulysses Guimarães desapareceu em 12 de Outubro de 1992, num acidente aéreo. O helicóptero que transportava os casais Ulysses Guimarães e Severo Gomes caiu após sair de Angra dos Reis, litoral do Rio de Janeiro, com destino a São Paulo. Seu corpo não foi encontrado, mas sua morte foi oficialmente reconhecida.


Fonte: http://educacao.uol.com.br/biografias/ulysses-guimaraes.htm

0 comentários

Postar um comentário

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

Minha lista de blogs

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Patrono

Patrono

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.
Todos os nossos textos, abaixo, estão licenciados no Creatve Commons.
Tecnologia do Blogger.