Saber-Literário

Diário Literário Online

Traição? Já era! Antonio Nunes de Souza*

Postado por Rilvan Batista de Santana 09/09/2016

Traição? Já era!
Antonio Nunes de Souza*

Com um título desse, percebe-se logo que trata-se de um assunto sério, discriminado por milhares de anos que, com a modernização do mundo, foi se acabando as grandes e absurdas condenações e, aos poucos, passando a ser encarada como apenas um pequeno detalhe numa relação!

Não que se ache, ainda, que seja uma coisa normal, porém, não é dado aquele valor de outrora, que as honras tinham que ser lavadas com sangue! Esse costume idiota, sanguinário e burro, somente os ignorantes, mal educados, machistas com espíritos e almas assassinas, ainda praticam esse ato imbecil! Mas, com as leis de proteção, principalmente as mulheres, estão punindo severamente quem comete esses delitos e, como resultado, minimizando as ocorrências!

Como, segundo estatísticas recentes, existem mais mulheres que homens no mundo, obviamente, mais acontece do lado feminino, que é o lado que sempre foi condenado, pois, os homens, sempre prevaricaram, tiveram suas amantes, filhos naturais e, a sociedade hipócrita e machista, encarava essa atitude como sendo algo especial e digno de elogio!

Imagino eu que com a mudança comportamental da mulher, procurando seus espaços, formações, deixando de ser apenas donas de casas e tendo que trabalhar nas ruas e em grandes ou pequenas empresas, onde sempre tem oportunidade de conhecer novos homens, conversar, trocar ideias e identificações, isso facilitou, literalmente, para que ocorresse uma “ficada” eventual e nem sempre esperada, sem contudo abalar a sua situação com seu companheiro! Em alguns casos, obviamente, ela até descobre num desses lances, o homem real da sua vida. E, sem maiores questionamentos, procura sua normal separação para começar uma nova e justa vida, dentro dos seus direitos normais de escolher!

Portando, apenas conforme meu pensamento e opinião nada oficial, apenas traduzido pela experiência ao longo dos anos que, depois de apenas “rainhas dos lares”, suas participações, inclusive na provedoria das despesas do lar, isso tenha provocado um direito que somente os homens tinham.

O que precisamos com urgência é começar a educar os valentões de plantão, que acham que são proprietários de suas companheiras e mandam e determinam em seus desejos, sentimentos e suas vontades. Simplesmente, isso tudo acontece, principalmente com as mulheres mais inteligentes e corajosas, por saberem que nada no mundo é infinito. E, o mais importante é ser feliz com quem mais lhe apraz!

Assim sendo, procurem encarar tal fato de uma maneira civilizada, respeitando as vontades alheias, também satisfazendo as suas e, com certeza, seremos todos felizes nessa “Vida Louca” e maravilhosa que vivemos!

Traição? Já era! Trata-se apenas de uma mudança de cardápio para se comer uma comida diferente, experimentar uma nova iguaria e, em alguns e poucos casos, troca-se de restaurante definitivamente!

Saiba encarar esse fato com naturalidade, pois pode estar acontecendo com você e sua união continua feliz e alegre sem maiores problemas!


*Escritor – Membro da Academia Grapiúna de Letras – AGRAL – antoniodaagral26@hotmail.com

0 comentários

Postar um comentário

Recomende este blog!!!

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

THE END

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Perfil

Perfil
Antônio Cabral Filho - Escritor e coadministradores

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

Patrono

Patrono
Machado de Assis

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

ALITA

DP

Tecnologia do Blogger.