Saber-Literário

Diário Literário Online

NESTOR PASSOS, MEU PAI Carlos Eduardo Passos

Postado por Rilvan Batista de Santana 07/05/2016

NESTOR PASSOS, MEU PAI
Carlos Eduardo Passos

Natural da atual cidade de Saubara, pequeno rincão do recôncavo baiano, Nestor Passos, filho de José Nilo Mendes da Silva e Etelvina Eulália Passos da Silva, estudou inicialmente com sua gestora, e mais tarde, no Seminário Central da Bahia " Santa Teresa", dali saindo padre secular.
 
Exerceu o vicariato na paróquia N.S. Das Vitórias, cidade de Conquista, onde ao lado de intelectuais Camilo de Jesus Lima e Padre Palmeira, movimentava a vida intelectual da urbe. Fundou o colégio N. S. das Vitórias, hoje Colégio Diocesano de Conquista. Fez trabalhos topográficos de reconhecimento histórico naquela área fisiográfica da Bahia.

Em 1940, aporta em Itabuna para instalar um curso propedêutico, filiado ao de Conquista e aqui exerceu concomitantemente os cargos de Capelão da Santa Casa de Misericórdia e pároco da Igreja Santo Antonio. Em outubro de 1952 fundou o Colégio Comercial de Itabuna onde cinco gerações se formaram em Contabilidade e Administração.

Atuante na vida pública, participou de vários empreendimentos desta cidade, inclusive no campo da radiodifusão, cooperativismo e político: foi vereador pelo Partido Social Democrático em 1946, suplente de Deputado Estadual em 1950 e por três vezes, candidato ao cargo de prefeito. Ocupou o cargo de Diretor Regional de Integração - CERIN e foi Secretário Municipal de Educação nas gestões de Alcântara e Fitermann. Foi membro ativo do Rotary Club de Itabuna, da Loja Maçônica Areópago Itabunense e da Academia de Letras de Ilhéus.
 Homem de coragem e serena altivez, não tinha inimigos e era querido por todos pelo seu bondoso coração.
 Querendo contrair núpcias defendeu tese na Sé Vaticana sobre a dispensabilidade do celibato, no que obteve êxito.

Exímio professor de Latim, Português e Lógica e foi um grande orador sacro e profano.
Deixou as seguintes obras: PRINCÍPIOS DE ESTILÍISTICA e PANTEÍSMO DE BARUCH SPINOSA.
Faleceu em 11 de junho de 1991.
 Fonte: ALITA



0 comentários

Postar um comentário

Recomende este blog!!!

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

Minha lista de blogs

THE END

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Perfil

Perfil
Antônio Cabral Filho - Escritor e coadministradores

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

Patrono

Patrono
Machado de Assis

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Tecnologia do Blogger.