Saber-Literário

Diário Literário Online

Instituto de Gilmar Mendes reúne Temer e líderes do impeachment em Portugal


Instituto de Gilmar Mendes vai reunir Temer e líderes do impeachment em Portugal | Foto: Carlos Humberto / STF / CP

No dia 29 de março, quando o PMDB deve formalizar seu desembarque do governo Dilma Rousseff em meio ao processo de impeachment da presidente no Congresso, o vice-presidente Michel Temer (PMDB) estará reunido com alguns dos principais defensores do impedimento de Dilma em um seminário promovido pelo Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP), que tem o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes como sócio-fundador, em Portugal. Integrantes do governo têm tratado o encontro como um prenúncio do arranjo político para derrubar a presidente.

Saiba mais sobre o processo de impeachment
O IDP realiza entre os dia 29 e 31 de março, em Portugal, em parceria com a Universidade de Lisboa, o "IV Seminário Luso-Brasileiro de Direito". Segundo o site do IDP, estão confirmadas as presenças de Temer, dos senadores Aécio Neves (PSDB-MG) e José Serra (PSDB-SP), do presidente do Tribunal de Contas da União, Aroldo Cedraz, do também ministro do STF Dias Toffoli além do próprio Gilmar Mendes.

Pretexto
Lideranças petistas e governistas avaliam que o evento é um pretexto encontrado por Mendes para reunir alguns dos principais líderes do movimento pró-impeachment em um momento de extrema fragilidade de Dilma. Os únicos governistas convidados são o senador Jorge Viana (PT-AC) e o ex-advogado-geral da União Luiz Inácio Adams.
Entre os patrocinadores do evento estão a Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp), entidade que tem dado apoio às manifestações de rua pela saída de Dilma, a Confederação Nacional da Indústria (CNI), o Sistema "S" do Rio de Janeiro e a estatal Itaipu Binacional.
Em uma rede social fechada, uma liderança petista ironizou o fato de uma empresa estatal estar patrocinando o "golpe" contra a presidente.
Integrantes do governo chamam a atenção para a data do encerramento do seminário, 31 de março, dia do golpe militar de 1964. "Esse enredo do golpe está na boca dos petistas. Não há golpe algum. Trata-se de um encontro institucional entre duas nações amigas", afirmou o deputado Mendonça Filho (DEM-PE), líder da oposição na Câmara.
Um dos temas de discussão do seminário é "Remédios institucionais para bloqueios críticos do sistema político" e terá como palestrantes Dias Toffoli e Cedraz.

Fonte: Yahoo/Correio do Povo


0 comentários

Postar um comentário

Recomende este blog!!!

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

Minha lista de blogs

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.
Tecnologia do Blogger.