Saber-Literário

Diário Literário Online

Lygia Fagundes Telles é indicada ao Nobel de Literatura - Rodrigo Casarin

Postado por Rilvan Batista de Santana 05/02/2016

Lygia Fagundes Telles é indicada ao Nobel de Literatura

Rodrigo Casarin 

A União Brasileira de Escritores (UBE) encaminhou hoje à Academia Sueca a indicação de Lygia Fagundes Telles para o Prêmio Nobel de Literatura deste ano. Para Durval de Noronha Goyos, presidente da instituição, “Lygia é a maior escritora brasileira viva e a qualidade de sua produção é inquestionável”. O nome da autora foi escolhido de forma unânime pelos diretores da UBE.

Lygia Fagundes Telles está com 92 anos, vive em São Paulo e já venceu prêmios de grande importância no cenário literário, como o Camões de 2005 e os Jabutis de 1966, 1974 e 2001. Na sua obra, que já foi traduzida para o alemão, espanhol, francês, inglês, italiano, polonês, sueco e tcheco, destacam-se livros como os romances “Ciranda de Pedra” e “As Meninas” e a coletânea de contos “Invenção e Memória”.
Nunca nenhum brasileiro venceu o Nobel de Literatura, ainda que outros autores nacionais já tenham sido indicados à Academia Sueca ou tiveram seus nomes sondados para receber o prêmio, como Ariano Suassuna, Jorge Amado, João Cabral de Melo Neto e Ferreira Gullar. Em sua última edição, em 2015, a honraria foi para a bielorrussa Svetlana Alexijevich.
Excelente notícia! Muitos rebaixam o próprio país por conta de não termos prêmios Nobel, mas deveriam analisar um pouco mais o contexto da premiação. Não nos faltou gênios que deveriam ter sido agraciados, de Jorge Amado a Euryclides de Jesus Zerbini, passando por Silvia Arnes, mas o caráter político parece pesar contra os brasileiros. O caso mais notório é de Cesar Lattes, cujo trabalho foi premiado em 1950, mas seu nome retirado da equipe. Ainda bem que ainda temos Lygia Fagundes Telles, Lucia Willadino Braga e Miguel Nicolelis. Mesmo que o prêmio não venha, nossos gênios deveriam nos encher de orgulho de sermos brasileiros!
cara sempre este mimimi não dá, a suposta politica nao impediu nossos vizinhos argentinos de ganharem 5 premios Nobel. Cesare Lattes nao ganhou, pq na epoca so o chefe ganhava, o nome dele nao foi arrancado do trabalho, como vc sugere.
Caro xyz01, vamos cortar a conversa: eu escuto essa há décadas. Quando o Brasil ganhar um Nobel nas áreas que falei você vem aqui nos avisar. Não estou menosprezando ou desrespeitando (falacioso seu argumento, por sinal) as pesquisas brasileiras, estou constatando um fato objetivo: brasileiro está longe de ganhar Nobel em Ciências Naturais. Já que você já veio supor um monte de coisas sobre minha pessoa, recomendo que você, como defensor auto intitulado da pesquisa nacional, comece a mostrar mais prêmios e menos falatório. É por isso que, aqui fora, todo mundo diz que brasileiro se acha muita coisa: qualquer avanço nós já achamos que já merecemos ganhar tudo. Pelo que você fala estou tendendo a acreditar nesse estereótipo. Tenho coisas pra falar sobre produção científica nacional, mas já que você já concluiu sem me conhecer que estou afastado, pra quê falar não é mesmo?
Antes dos petistas polemizarem, saibam que a própria Lygia já criticou a Dilma: "Pare de viajar tanto. Já estive na China, e lá há um provérbio que diz: 'Antes de aperfeiçoar o mundo, dê três voltas dentro de casa.'”. E saibam que um prêmio desses é ganho pelo trabalho de uma vida, não uma indicação política. Se dependêssemos da diplomacia petista, estaríamos estocando vento. Melhor vocês procurarem outro palanque...
Diplomacia e respeito. Isso ainda nos falta. E, quando conquistamos um pouco, temos um governo irresponsável desses que nos leva ao lixo. Não é defendendo a Venezuela e o ISIS que seremos políticos.
Ah, desculpe vai. O Nobel tem muitas pessoas que mereceram ganhar, mas tantas outras que ganharam por pura politicagem da mas réles.
E nada se fala sobre o Nobel roubado de César Lattes, nem carta de Niels Bohr que contaria o motivo de não terem dado o Nobel para o Lattes. Essa carta deveria ter sido divulgada em 18/11/2014, cinquenta anos após a morte de Bohr, mas nada se falou ou se fala sobre isso.
O verdadeiro Nobel roubado foi de Dom Helder Câmara, que já estava na mesa do juri em Estocolmo, mas teve de ser retirado por pressão do governo militar brasileiro.
antes dela vários outros poderiam ter sido indicados, temos produção de literatura das melhores do mundo - não pra quem gosta de Paulo Coelho, claro...

Rodrigo Casarin é jornalista pós-graduado em Jornalismo Literário. Vive em São Paulo, em meio às estantes com as obras que já leu e às pilhas com os livros dos quais ainda não passou da página 5.


FONTE:

  Página Cinco Lygia Fagundes Telles é indicada ao Nobel de Literatura

0 comentários

Postar um comentário

Recomende este blog!!!

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

Minha lista de blogs

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Perfil

Perfil
Antônio Cabral Filho - Escritor e coadministradores

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

Patrono

Patrono
Machado de Assis

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.
Tecnologia do Blogger.