Saber-Literário

Diário Literário Online

Ficção – Tardou, mas aconteceu! Antonio Nunes de Souza*

Postado por Rilvan Batista de Santana 20/02/2016


Ficção – Tardou, mas aconteceu!
Antonio Nunes de Souza*

Estamos no ano Domini de 2048, tristemente a terra praticamente despovoada, em função das experiências técnicas e científicas que, com o decorrer dos anos, foram provocando mutações diversas, assustadoras e, na maioria das vezes, atingindo, brutalmente, as populações através de doenças malignas e incuráveis. Não só pelas substâncias utilizadas na agricultura e nas carnes bovinas, suínas, avícolas, pisciculturas, etc., como também, o desprezo dado, universalmente, a fauna e a flora, num comportamento insano e grotesco, somente pela obsessão dos lucros rápidos e nababescos!
Os resultados dessas ações, lamentavelmente, provocaram um morticínio assustador e sem condições de ser reprimido, pois, as evoluções tecnológicas em função de lucros, tornou-se muito mais rápida que as experiências laboratoriais para reprimir as doenças. Inclusive, até quando descobriam uma medicação para determinadas enfermidades, seus resultados eram guardados em segredo, para que, continuassem tentando as recuperações com medicamentos inadequados e não eficazes!
Um dos grandes acontecimentos, inaugurado no Estado de Pernambuco-Brasil, exatamente no dia 19/02/16, pela Presidenta da República, foi um grande e complexo laboratório que, segundo seus cientistas, descobriram uma maneira de “fabricar” uma certa e nova espécie de mosquito, capaz de “cruzar” com as fêmeas do Aedes Aegypti e, tranquilamente, suas larvas dariam filhotes degenerados e estéreis, fazendo com que fosse um combate ideal para as apavorantes doenças provocadas por esse mosquito!
Lógico que foi testada com certa eficiência, porém, devido ao alastramento das doenças, principalmente a Zica Vírus, provocadora da “micro encefalia”, que estava atacando em massa, não só no Brasil como outros países, não foi possível aguardar um tempo maior para observações, necessárias nesses casos. Provavelmente, o laboratório também desejasse ter os seus méritos e lucros, mediante tal descoberta!
O fato é que, além de não apresentar um resultado razoável esperado, com o passar do tempo, esses minúsculo e novo mosquito, criou dentro da sua própria formação genética, o poder de dar picadas nos seres humanos e, completamente inesperada, uma completa esterilidade nos seres humanos, atingindo úteros, ovários e próstatas, eliminando, completamente, a possibilidade de perpetuação da espécie. E, sua proliferação foi e é tão avassaladora que, infelizmente, tornou-se impossível combate-los!
Felizmente, a tecnologia espacial, também cresceu muito e, como eu, muitos milionários tiveram condições de vir morar em Marte, numa plataforma espacial que custou bilhões de dólares. As grandes empresas detentoras dos direitos, continuam explorando, minuciosamente, esse planeta, dando-me a preocupação que nos exterminem completamente em breve, como fizeram na terra, pela ganância do vil metal que, logicamente, não terá ninguém para gastá-lo!

*Escritor – Membro da Academia Grapiúna de Letras – AGRAL – antoniodaagral@6@hotmail.com


0 comentários

Postar um comentário

Recomende este blog!!!

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

THE END

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Perfil

Perfil
Antônio Cabral Filho - Escritor e coadministradores

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

Patrono

Patrono
Machado de Assis

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

ALITA

DP

Tecnologia do Blogger.