Saber-Literário

Diário Literário Online

Para refletir!

Postado por Rilvan Batista de Santana 11/01/2016

para refletir!
"Minha filha por que me colocou neste asilo ?
Mamãe você na cadeira de rodas, eu tenho mil coisas a fazer, não dava para cuidar de você. Como poderia ficar lhe empurrando na cadeira de roda ?
Gozado minha filha, quando você nasceu, você também não andava, e eu te carregava no colo,
também tinha mil coisas a fazer, tomar conta dos seus irmãos, fazer o café o almoço o jantar, lavar roupas, entre tantas coisas...tinha um milhão de coisas a fazer, cuidava do seu pai , de tudo dentro de casa...
Depois quando você começou a andar os cuidados aumentaram , tinha que ficar olhando em cada canto de casa, para ver o que estava fazendo.
Depois veio a fase da escola eu levava e trazia você, e lá em casa cheio de coisas para fazer...
E coloquei você no colégio pago, lavava roupas para fora para inteirar para pagar o melhor colégio para você estudar...sempre pensando no melhor para você. 
E quando veio a sua fase da faculdade, lembra, além das roupas, fazia salgadinho para vender nos botequins, pois era cara a faculdade, mas trabalhava muito, para você ser alguém na vida e ter um diploma, o que eu nunca tive, mas isso não me desonra.
A pensão do seu pai era pouca, eu me desdobrava em três , para sua faculdade para nunca o pagamento atrasar.
Aí você se formou. E logo casou. Saiu de casa, e pouco vinha me visitar.
Adoeci, fiquei nesta cadeira de rodas, realmente ficou difícil em casa me movimentar...
A sua solução foi esta né minha filha, me colocar neste lugar.
Onde quase ninguém vem me ver, nem mesmo poucos minutos para conversar.
É a vida minha filha...mas muitas coisas ainda vai aprender...
Só peço a Deus que seus filhos na sua velhice trate de você.
Que não lhe leve para o lugar do abandono...
Para nenhum asilo...para você não sofrer de solidão...
Vai minha filha, que Deus a proteja...
Que todos os dias e noites oro por vocês...
Não sei quando vai vir me ver...
Dê um beijo nos meus netos...que você ainda não os trouxe para eu conhecer...
Vá minha filha ...Que Deus lhe dê o que há de melhor...
Pois foi Deus quem meu deu forças...nas horas que estava exausta,
Nas minhas orações Ele me fortalecia...e até hoje é com Ele que converso.
Ele para mim não é só apenas um Deus...Hoje minha filha Ele é meu único amigo. Por isso minha filha você vê uma cadeira vazia perto da minha cama, é lá que Ele senta para conversar comigo, horas...e horas...me confortar...Aliás Ele sempre me conforta. Sempre."

Fonte: Facebook

0 comentários

Postar um comentário

Recomende este blog!!!

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

Minha lista de blogs

THE END

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Perfil

Perfil
Antônio Cabral Filho - Escritor e coadministradores

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

Patrono

Patrono
Machado de Assis

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Tecnologia do Blogger.