Saber-Literário

Diário Literário Online

Se alguém quer me servir, siga-me! Jo 12,23-28

Postado por Rilvan Batista de Santana 02/11/2015

Se alguém quer me servir, siga-me!  
Jo 12,23-28
 
Jesus respondeu-lhes: “Chegou a hora em que o Filho do Homem vai ser glorificado. Em verdade, em verdade, vos digo: se o grão de trigo que cai na terra não morre, fica só. Mas, se morre, produz muito fruto. Quem se apega à sua vida, perde-a; mas quem não faz conta de sua vida neste mundo, há de guardá-la para a vida eterna. Se alguém quer me servir, siga-me, e onde eu estiver, estará também aquele que me serve. Se alguém me serve, meu Pai o honrará. Sinto agora grande angústia. E que direi? ‘Pai, livra-me desta hora’? Mas foi precisamente para esta hora que eu vim. Pai, glorifica o teu nome!”. Veio, então, uma voz do céu: “Eu já o glorifiquei, e o glorificarei de novo”.
 
 
Comentário do EvangelhoO caminho de Jesus é o
caminho do discípulo
 
O fundamento da fé da Igreja é a ressurreição de Jesus Cristo. A memória de todos os fiéis defuntos é celebração de sua Páscoa definitiva. Para nós todos que continuamos a peregrinar neste mundo é ocasião de suplicar a Deus a graça da fé na ressurreição de Cristo, condição para crermos na Páscoa eterna daqueles que já partiram deste mundo. No texto do evangelho de hoje, Jesus fala de sua própria morte como a glorificação do Filho. Nos evangelhos sinóticos, a semente é símbolo da Palavra de Deus (cf. Mt 13,3b-9.24-30.31-32; Mc 4,26-29); em João, ela é símbolo de Jesus Cristo. A imagem da semente que cai na terra ajuda a compreender o significado da morte de Jesus. A semente ao cair na terra morre, por isso, ela produz fruto. A morte de Jesus não foi em vão, foi para produzir fruto, isto é, para dar vida ao mundo. A morte de Jesus foi redentora, pois, através dela, a humanidade inteira foi resgatada. O caminho de Jesus é o caminho do discípulo. Nisso consiste o seguimento dos discípulos: ele é entrega e deve ser vivido como o amor capaz de dar a vida para a vida do mundo.
 
Oração

Senhor Jesus, a vida jorrou abundante de tua fidelidade até à morte de cruz.Possa eu beneficiar-me desta plenitude de vida.


Fonte:www.paulinas.org.br 

0 comentários

Postar um comentário

Recomende este blog!!!

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

Minha lista de blogs

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

Patrono

Patrono
Machado de Assis

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.
Tecnologia do Blogger.