Saber-Literário

Diário Literário Online

O PRIMEIRO POETA - Mírian Warttusch

Postado por Rilvan Batista de Santana 08/11/2015

O PRIMEIRO POETA 


Quero falar do primeiro Sonhador… Do romântico Poeta, que antes de todos fez seu verso; Não somente sonhou, como tornou real Seu grande sonho, Criando, infindável, o Universo! E em meio as trevas sombrias, que antes imperavam, Tudo eclodiu, fantástico, esplendente! E na explosão estrondosa, do imensurável “Big Bang”, Galáxias bailaram em caracóis fulgentes! Planetas e astros formaram as constelações E demarcaram o céu em grupos majestosos! Mas… Menina dos olhos de Deus, girou tão graciosa A Terra Azul, com seus tesouros fabulosos! Estava iluminado o grande abismo…O primeiro dia nasceu… Nasceu o Sol… nasceu também a Estrela Matutina… Florestas se fizeram verdes… Na encosta dos montes, Jorraram veios de água cristalina; Fontes de vida perene, termas, gêiseres, enfim, Cascatas, rios e mares correram e se condensaram. -Riqueza hídrica, um bem tão farto e precioso- E nessas águas, doces ou salgadas, mil seres habitaram. Por entre os arco-íris, abriram-se miríades de flores, Saborosos frutos despontaram com fartura; Rica, a biodiversidade emanou em cores, Dando também som e forma a cada planta, a cada criatura. O primeiro pássaro cantou… Um outro acompanhou… E ouviram-se as vozes de tantos outros pequenos animais; Serenata de cigarras… rugir de grandes feras Tudo formou-se com encanto… Deus sonhou demais! Remanescentes do etéreo, ambiências diversas se criaram para a sincronia perfeita e sucessiva das Quatro Estações; E assim, composta em versos sonoros, plenos de magia, A sinfonia do amor estava escrita em notas e sermões. Faltava, entanto, alguém, no Paraíso Azul deste Planeta, Terra aprazível e tão linda, qual fora uma miragem! E a Face de Deus, como a conheceríamos, não fosse Através da criação do homem, Sua própria imagem? Num sopro de vida, lhe deu poder, inteligência e força! Inexplicável e perfeita, Sua Obra de mistérios insondáveis… Tudo foi criado… E todos os seres se proliferaram… Mas, nem todos os homens foram gratos ou amáveis; E a Terra Azul hoje se sente frágil, chora… A natureza toda, enfraquecida, clama por vingança! O homem se tornou cruel, ambicioso e vil, E a Terra sente falta do seu filho quando ainda era criança. Não entende porque agora o homem, A quem tudo foi tão grandemente, de mãos abertas concedido, Agride o próprio meio em que vive! Não sabe, louco, Que por ferir a natureza, um dia tombará também, ferido? A natureza se exaure! Não consegue repor as suas perdas, O que lhe foi tirado em meio a esse conflito. Tenhamos consciência de parar enquanto é tempo, Pois preservar a vida, traz a paz… e o mundo fica mais bonito! G E N E S I S Gênesis… a criação de todo o Universo, de todos os seres vivos ou inanimados, da forma mais poética e deslumbrante! Uma sinfonia de amor sem precedentes… o Criador se extasia diante do Planeta Terra ! 

Mírian Warttusch .

0 comentários

Postar um comentário

Recomende este blog!!!

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

Minha lista de blogs

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

Patrono

Patrono
Machado de Assis

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.
Tecnologia do Blogger.