Saber-Literário

Diário Literário Online

A parábola do administrador Lc 16, 1-8

Postado por Rilvan Batista de Santana 06/11/2015

A parábola do administrador 
Lc 16, 1-8
 
Jesus disse aos seus discípulos: 
- Havia um homem rico que tinha um administrador que cuidava dos seus bens. Foram dizer a esse homem que o administrador estava desperdiçando o dinheiro dele. Por isso ele o chamou e disse: "Eu andei ouvindo umas coisas a respeito de você. Agora preste contas da sua administração porque você não pode mais continuar como meu administrador." 
- Aí o administrador pensou: "O patrão está me despedindo. E, agora, o que é que eu vou fazer? Não tenho forças para cavar a terra e tenho vergonha de pedir esmola. Ah! Já sei o que vou fazer... Assim, quando for mandado embora, terei amigos que me receberão nas suas casas." 
- Então ele chamou todos os devedores do patrão e perguntou para o primeiro: "Quanto é que você está devendo para o meu patrão?" 
- "Cem barris de azeite!" - respondeu ele. 
O administrador disse: 
- "Aqui está a sua conta. Sente-se e escreva cinqüenta." 
- Para o outro ele perguntou: "E você, quanto está devendo?" 
- "Mil medidas de trigo!" - respondeu ele. 
- "Escreva oitocentas!" - mandou o administrador. 
- E o patrão desse administrador desonesto o elogiou pela sua esperteza. 
E Jesus continuou: 
- As pessoas deste mundo são muito mais espertas nos seus negócios do que as pessoas que pertencem à luz.
 
Comentário do Evangelho
O Reino de Deus é o reino
da partilha
 
Temos aqui uma parábola exclusiva de Lucas. Ela é estruturada com muitos detalhes, a partir da imagem de um administrador que procura fazer amigos lesando a fortuna de seu patrão. Ele não rouba para si, mas dispõe da riqueza do patrão em favor de terceiros. A mensagem da parábola está em fazer o bom uso da riqueza. Toda acumulação de riqueza é injusta. Esta acumulação sempre resulta da exploração de terceiros. O Reino de Deus é o reino da partilha. A sua justiça implica o empenho de que esta riqueza esteja a serviço de todos, particularmente dos mais necessitados. 
 
Oração
 

Pai, torna-me esperto em relação às coisas do Reino, e sempre misericordioso no trato com o meu semelhante, pois é assim que alcançarei a comunhão contigo. 
Fonte:www.paulinas.org.br 
 

0 comentários

Postar um comentário

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

Minha lista de blogs

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Patrono

Patrono

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.

Links de livros, crônicas, contos, cartas, etc.
Todos os nossos textos, abaixo, estão licenciados no Creatve Commons.
Tecnologia do Blogger.