Saber-Literário

Diário Literário Online

cabeçalho
Jardim Botânico do Rio sedia reuniões da Flora do Mundo Online e Flora do Brasil Online
g
Especialistas de dez países se encontram no Jardim Botânico do Rio de Janeiro (JBRJ), de 19 a 23 de outubro de 2015, para definir os próximos passos na elaboração de uma publicação online que reunirá as informações sobre todas as plantas conhecidas do mundo até 2020. Eles fazem parte do projeto Flora do Mundo Online (World Flora Online – WFO), que visa alcançar metas estabelecidas pela Convenção da Diversidade Biológica (CDB).

O projeto é coordenado por um consórcio de instituições de pesquisa em Botânica, do qual fazem parte, entre outros, os jardins botânicos de Kew (Londres), Nova York, Missouri e do Rio de Janeiro. Além do Brasil, a reunião da WFO contará com especialistas da África do Sul, EUA, França, China, Reino Unido, Irlanda, Bélgica, Alemanha, Holanda e México. 
Paralelamente, de 19 a 21 de outubro, haverá a reunião anual do Comitê da Flora do Brasil Online (FBO 2020), também no JBRJ. O encontro terá a participação de 23 pesquisadores de todas as regiões e biomas do país. Coordenado pelo JBRJ, o projeto tem como principal objetivo consolidar uma flora nacional monografada (incluindo algas, fungos e plantas) em uma plataforma que possa ser integrada com a da WFO.
Na manhã de 21 de outubro, quarta-feira, os representantes das duas iniciativas farão uma apresentação conjunta na Escola Nacional de Botânica Tropical (ENBT), quando também definirão formas de interação entre os projetos.

Saberes e fazeres no restauro das obras de Mestre Valentim
O processo de restauração das obras de Mestre Valentim no Jardim Botânico do Rio de Janeiro é o tema do próximo debate da série Ciência e Arte em Mestre Valentim, que acontece na próxima terça, 20 de outubro, às 9h30, no Museu do Meio Ambiente.

hA engenheira e restauradora Silvia Puccioni e a restauradora Francyla Bousquet participam da mesa que abordará as técnicas singulares aplicadas na recuperação das obras do Mestre que integram o acervo da instituição, primeiras esculturas produzida em metal no Brasil.
Iniciada em abril de 2015, a restauração das quatro esculturas do acervo do JBRJ está em seu estágio final.

Especialização em Plantas Medicinais e Fitoterapia tem inscrições abertas
iDe 19 de outubro a 30 de novembro de 2015, a Escola Nacional de Botânica Tropical recebe inscrições para o curso de Especialização em Plantas Medicinais e Fitoterapia, a ser realizado em convênio com a Associação Brasileira de Fitoterapia (ABFIT).

As 360 horas do curso serão divididas em três módulos, totalizando três semestres letivos, com início em 19 de fevereiro de 2016. O público alvo são os profissionais da Biologia, das Ciências da Saúde (biomédicos, dentistas, enfermeiros, farmacêuticos, médicos, nutricionistas, veterinários) e das Engenharias (florestal e agronomia).

Rodriguésia comemora 80 anos e anuncia volume sobre a Lista da Flora do Brasil
A Rodriguésia - Revista do Jardim Botânico do Rio de Janeiro completa 80 anos em 2015. Para comemorar, a revista terá um volume especial, o quarto de 2015, que apresentará os resultados obtidos com a análise dos dados da Lista de Espécies da Flora do Brasil, abrangendo fungos, algas, briófitas e plantas vasculares, bem como uma atualização da Lista. Essa atualização acrescenta mais de 2 mil novos registros ao que foi publicado em 2010, no Catálogo de Plantas e Fungos do Brasil.

Os artigos estarão disponíveis a partir de dezembro na página da Rodriguésia no Scielo e no site do JBRJ. 

Árvore dada como extinta na natureza é reencontrada
kUma espécie de árvore nativa do Rio de Janeiro, a guarajuba (Terminalia accuminata), havia sido dada como extinta na natureza pela União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN) - organização que é autoridade mundial em listas vermelhas. Só se conheciam cinco indivíduos adultos vivos no mundo, cultivados no arboreto do Jardim Botânico do Rio de Janeiro, além das mudas que o JBRJ fez dessa espécie e enviou para outras instituições no Brasil – uma tentativa de salvá-la da extinção total.

Mas ainda havia esperança de que se conseguisse encontrar a guarajuba em alguma mata remanescente. E foi isso o que aconteceu em julho de 2015. O pesquisador Caio Baez, bolsista do Centro Nacional de Conservação da Flora – Jardim Botânico do Rio de Janeiro, identificou alguns indivíduos dessa espécie no Parque Municipal do Grumari, a partir de informações do colega Pablo Viany. A identificação definitiva foi feita posteriormente pela pesquisadora Elsie Guimarães (JBRJ).
Antes dessa descoberta em Grumari, não havia registros de guarajuba na natureza desde 1942. Foram 73 anos sem que os botânicos conseguissem encontrar essa árvore carioquíssima, que foi muito explorada no passado na fabricação de embarcações e móveis.

Arquitetura Sustentável é tema de palestra na AAJB 
A arquiteta Viviane Cunha é a convidada deste sábado, 17 de outubro, na série de palestras da Associação de Amigos do Jardim Botânico - AAJB. Viviane falará sobre como nossa “moradia” no planeta passou a ter pontos insustentáveis, como a arquitetura pode ajudar a reverter esse cenário e como materiais, sistemas e hábitos que utilizamos na arquitetura têm relação com a sustentabilidade. 
A palestrante abordará também a relevância da certificação de edifícios e áreas urbanas sustentáveis.
O encontro começa às 10h30 no auditório da AAJB - Rua Jardim Botânico, 1008, casa 6.

0 comentários

Postar um comentário

Este blog contribui para cultura e informação?

Recomende este blog!!!

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

THE END

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Perfil

Perfil
Antônio Cabral Filho - Escritor e coadministradores

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

Patrono

Patrono
Machado de Assis

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

ALITA

DP

Tecnologia do Blogger.