Saber-Literário

Diário Literário Online

CLAMOR - Maria Delile Miranda Oliveira

Postado por Rilvan Batista de Santana 27/08/2015

Poema de Maria Delile Miranda Oliveira, do livro Meu tempo em verso e prosa. Itabuna: Mondrongo, 2015.

CLAMOR

Deixa eu viver
os meus dias
prazerosos, serenos,
até a hora da travessia!
Deixa eu desfrutar
as horas que valem,
se ainda forem minhas,
sem nada sofrer,
pois sofridos foram
tantos dias!
Sem chorar,
pois chorados foram
tantos dias
que valiam!
Deixa-me à serenidade do tempo
que suponho ainda ter,
nesse anoitecer
de meus minguados dias.





Fonte:  enviado pelo acadêmico Ruy Póvoas

0 comentários

Postar um comentário

Recomende este blog!!!

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

THE END

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Perfil

Perfil
Antônio Cabral Filho - Escritor e coadministradores

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

Patrono

Patrono
Machado de Assis

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

ALITA

DP

Tecnologia do Blogger.