Saber-Literário

Diário Literário Online

Um Apelo do Alto: Nosso Senhor chama São Francisco à santidade! Veja como isso aconteceu (Parte III)


 
São Francisco alcança tantos seguidores que uma Ordem é formada;
Continuação do post: Um Apelo do Alto: Nosso Senhor chama São Francisco à santidade!
Veja como isso aconteceu (Parte II)
O comportamento do santo provocou
comentários acalorados.
Os habitantes de Assis começaram por pensar numa excentricidade doentia; lamentavam aquele jovem, que soubera conquistar-lhes a simpatia.
Mas os meses passavam e o entusiasmo de Francisco não arrefecia; a sua virtude acabou
por se impor.
Quando o viam passar pelas ruas da cidade, com os pés descalços, o rosto radiante de felicidade, os conterrâneos sentiam-se tomados de respeito
e admiração.
Os bons exemplos contagiam:
Esta pobreza sublime atraía os corações generosos.
No dia 16 de Abril de 1209, Bernardo de Quintavalle, uma das pessoas mais consideradas de Assis, distribuía os seus bens aos indigentes e colocava-se sob a direção de Francisco.
Uma semana depois, foi a vez de Frei Gil. Alma contemplativa, a menor alusão à felicidade dos eleitos fazia-o entrar em êxtase. A Igreja colocou na sua fronte a auréola dos Bem-aventurados.
Novos companheiros apresentavam-se sem cessar.
Pertenciam a todas as classes sociais; mas todos eles só tinham uma ambição: conquistar por um despojamento total as riquezas imperecíveis da pobreza.
Renunciavam aos bens materiais, revestiam a humilde túnica castanha, cingiam-se com uma corda e caminhavam descalços.
No fim do ano de 1209, o pequeno grupo contava já 12 membros.
O Papa Inocêncio III aprovava oralmente a congregação nascente e Deus revelava ao Santo as glórias futuras.
A Ordem dos Frades Menores – tal era o nome que a humildade do fundador escolhera – cresceu com rapidez prodigiosa.
As vocações afluíam.
Fundavam-se conventos em toda a Itália: Foligno, Cortona, Arezzo, Siena, Pisa, San Miniato, Florença, Bolonha, acolhiam, uma depois da outra, os novos religiosos.
Em breve os discípulos de Francisco passaram para o estrangeiro. Estabeleceram-se me França, Portugal, Alemanha e Inglaterra. Cinco deles penetraram em Marrocos e derramaram o
sangue pela fé.
Em dez anos, o pequeno grupo inicial tinha-se transformado numa Ordem florescente. O capítulo geral a que o Santo presidiu em 1219, reuniu na Porciúncula mais de cinco mil irmãos.
Como os primeiros cristãos, esta imensa família formava um só coração e uma só alma. Francisco tinha-a fundado. Tinha-lhe dado as suas regras; tinha-a moldado com um senso genial de direção; ela devia-lhe a unidade.
Seria interessante estudar minuciosamente as vida de São Francisco no seu papel de chefe e organizador. Os limites restritos deste volume não o permitem. Assinalaremos apenas dois traços, que parecem característicos.
Francisco não tinha o temperamento de um burocrata. Não multiplicava decretos. Escrevia poucas vezes e sobriamente. A sua Regra cabe nalgumas páginas. Tinha suficiente senso psicológico para desconfiar da literatura administrativa, tantas vezes estéril.
Por outro lado, conhecia os homens e educava-os primorosamente.
Sabia que, para conduzir as almas, é necessário entrar em contato com elas; à papelada vã, preferia a conversação íntima e profunda. Era esse o seu grande meio de formação.
Penetrava nos corações, subjugava-os, marcava-os com seu selo, conquistava-os para estimarem a pobreza e amarem a Cristo.
Não faltaria valor ao método, pois a sua obra subsiste e o seu espírito ainda vive no coração
dos filhos.
*   *   *
 
Fonte: retirado do livro “São Francisco de Assis” do Rev. Pe. Thomas de Saint-Laurent.

0 comentários

Postar um comentário

Recomende este blog!!!

Postagens populares

Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas)

"Divulgando Trabalhos Literários (Livros,Contos, Crônicas e Poesias)"

THE END

bookmark
bookmark
bookmark
bookmark
bookmark

Diário Online

Diário Online
rilvan.santana@yahoo.com.br

Perfil

Perfil
Administrador

Perfil

Perfil
Antônio Cabral Filho - Escritor e coadministradores

Estatística Google (Visualizações)

Google Tradutor

Patrono

Patrono
Machado de Assis

PARCERIAS

Bookess

ABL

R. Letras

DP

Tecnologia do Blogger.